Blog

Facetas e lentes de contato: quais os índices de longevidade

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

A filosofia de trabalho da Odontologia minimamente invasiva conquistou inúmeros adeptos e, hoje, podemos falar em preservação de remanescente dental sem maiores dificuldades. Quando pensamos em tratamentos estéticos conservadores, que preservem o máximo de estrutura dental sadia, logo nos lembramos das facetas e lentes de contato.​

​Com os avanços tecnológicos que adentraram a Odontologia, passamos a ter a possibilidade de confeccionar facetas e lentes de contato cerâmicas em espessuras bastante finas, mantendo uma elevada resistência.​

​Apesar da questão estética ser uma das grandes vantagens desse tipo de técnica, sabe-se que o sucesso do procedimento não está apenas relacionado ao fator estético, mas também a resistência e a longevidade das restaurações.​

Quais as vantagens e longevidade das facetas e lentes de contato dentais?

As facetas e lentes de contato cerâmicas representam um tipo de procedimento com alto grau de satisfação estética para os pacientes, mas têm outros benefícios como a estabilidade de cor, resistência ao desgaste e longevidade estética.​

​Além disso, fatores como o tipo e técnicas de preparo, o tratamento da superfície da cerâmica e do dente, o cimento utilizado, o passo a passo da cimentação e o acabamento podem influenciar diretamente na longevidade e nos resultados destes procedimentos.​

​Estudos longitudinais demonstraram uma superioridade de cerca de 95% a 99% quando comparamos a longevidade de facetas e lentes de contato cerâmicas às facetas de resina, por exemplo.​

​Cada vez que a técnica é aperfeiçoada, mais estudos são feitos para validá-la e também testar sua longevidade, visto que a evolução dos procedimentos odontológicos está cada vez mais rápida!​

​Estudos encontrados na literatura acerca desse assunto concluem uma durabilidade de cerca de 10 a 15 anos para estes procedimentos, com resultados promissores a longo prazo.​

​Vale ressaltar que erros, mesmo que mínimos durante a instalação, preparo e confecção de facetas e lentes de contato podem levar a posteriores fraturas, o que diminui a longevidade das mesmas.​

Mas, claro, é importante que o profissional esteja habilitado para realizar a técnica da melhor maneira, entendendo amplamente sua indicação e tendo habilidades para confecção e instalação da mesma no paciente.

Onde aprender mais sobre facetas e lentes de contato?

Facetas e lentes de contato são alguns dos principais tratamentos solicitados quando falamos em Odontologia estética. Os pacientes estão cada dia mais exigentes, por isso é tão importante se aprofundar nessa técnica e treinar para obter resultados cada vez melhores.​

​Pensando nisso, criamos a nossa Imersão: Facetas, Lentes de Contato e Fragmentos Cerâmicos. Coordenada pelo Dr. João Paulo dos Santos Fernandes – CRO 50295:​

​Especialista em Prótese Dentária na Faculdade de Odontologia de Piracicaba / UNICAMP; Doutor em Prótese Dentária na Faculdade de Odontologia de Piracicaba/UNICAMP; Prof. Prótese Dental na Universidade Paulista – UNIP Campinas e Prof. Curso de Especialização em Prótese Dental – UNICAMP – Piracicaba.​

​Com uma carga horária de 20 horas, você terá muito mais confiança para aplicar todos os conceitos em seu dia a dia e se tornar uma referência quando se trata de Odontologia estética! Confira mais informações sobre o curso no site.​

Coordenadores:

Rodolfo Amorim de Pádua – CROSP 71982​

  • Diretor Clínico da COI.​
  • Graduação em Odontologia pela PUCCAMP.​
  • Diretor Clínico da Associação Brasileira de Odontologia de Campinas e Sorocaba.​
  • Atuação nas áreas de Implantodontia, Periodontia e Prótese.​
  • Diretor Clínico da Swiss Dental Services – localizada em Lisboa e Cidade do Porto/Portugal.​
  • Sócio-diretor da Alinde Odontologia em Campinas.​

Carlos H. Silveira Villela – CRO-SP 49116​

  • Mestre em Engenharia de Materiais pela FEM – UNICAMP​
  • Especialista em Implantodontia pela Associação Brasileira de Odontologia​
  • Especialista em Ortopedia Funcional dos Maxilares, pelo Conselho Federal de Odontologia​
  • Presidente da Associação Brasileira de Odontologia – Regional Sorocaba​
Dr. CARLOS HENRIQUE SILVEIRA VILLELA

Dr. CARLOS HENRIQUE SILVEIRA VILLELA

CRO-SP 49116